«

»

abr 21

O Empreendedorismo Digital Está Crescendo – Veja Dicas de Especialistas



O Mundo Digital Exige a Mesma Dedicação de uma Loja Presencial. Cartilha Orienta o Passo a Passo para Abrir uma Loja Virtual.

Por: Tiago Eltz

São Paulo, SP

Empreendedorismo Digital está em altaQuem está pensando em montar uma empresa deve prestar atenção no mercado digital. Os especialistas dizem que o mercado é promissor e está crescendo. Tem gente montando uma loja virtual com R$ 1 mil. Mas o mundo digital exige a mesma dedicação de uma loja presencial.

 

A empresária digital Karina Mattos buscava um trabalho em que ela pudesse ficar mais tempo com a filha. Encontrou a solução em um quarto da própria casa. A vitrine da loja dela, as prateleiras, as modelos, tudo está na tela do computador.

“Eu não ganho mais do que ganhava na empresa que eu trabalhava. Mas eu tenho um ganho que acho que não tem preço, que é a qualidade de vida e consigo me virar. Eu ganhava mais antes, mas estou muito mais feliz”, fala Karina.

Karina ainda não ganha mais. Mas assim como ela tem muita gente investindo no comércio virtual e esse investidor tem um perfil comum. São homens jovens, de até 40 anos e o comércio virtual é a primeira tentativa de empreender.

“Muitas vezes ele trabalha em casa nos fins de semana, ele tem nível superior, já tem uma renda. Muitas vezes ele tem uma carreira, mas não aquilo que ele faz na loja virtual está ligado à carreira dele – faz muitas vezes como hobby”, explica o especialista em comércio digital, Adriano Caetano.

Por conta da procura, o Sebrae de São Paulo lançou uma cartilha com um passo a passo para abrir uma loja virtual. Mas especialista alertam que ter um negócio na internet tem tantos desafios como qualquer outro negócio tradicional.

A lista de dicas para achar um lugar na rede inclui quatro itens imprescindíveis:

  • investir numa página na internet;
  • 3 clics. Esse é o número máximo que os especialistas dizem que o cliente tem que demorar para achar o que procura. Se não ele vai embora;
  • garantir segurança nas formas de pagamento;
  • cumprir prazos de entrega.

“Os crescimentos de faturamento de empresas virtuais são crescimentos chineses de 7%, 8% ao ano. Isso não desobriga quem vai entrar no mercado de se preparar. Da mesma maneira que muitas empresas abrem, muitas acabam fechando por não ter preparo adequado”, explica o superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano.

Fonte: Jornal Hoje: http://glo.bo/1fhb1T5


Compartilhe este artigo:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites
  • LinkedIn

Related posts:

Sobre o autor

Sandra

Sou uma pessoa determinada, cheia de sonhos e objetivos a alcançar na vida. Sou Analista de Mídias Sociais e Internet Marketing!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>